Apresentação
Esta formação visa dotar os alunos de competências de estruturação/gestão de comunicação de conteúdos científicos e de valorização da cultura científica.

Objetivos

A relação entre a Universidade e os seus contextos, as atividades de transferência, o impacto societal da ciência e a necessidade de gestão criteriosa de informação exigem especificidades comunicativas que se analisarão neste curso.

Na época de pós-verdade e da aparente simplificação da informação e da comunicação, entende-se que comunicar ciência abrange um leque de situações que vão desde a transmissão de conhecimento oriundo da investigação científica, da circulação entre pares, à comunicação de massificação e dos usos descontrolados das redes sociais, por exemplo, que podem omitir a distinção entre crença e ciência, opinião não fundamentada e factos provados.

A gestão de ciência, enquanto aquisição de mecanismos para administração de recursos, processos e medidas, de forma racional e apropriada, carece de reflexão para criação de condições de inovação, produção e transmissão/transferência dos saberes e do conhecimento. 

São estes aspetos que justificam a necessidade desta formação pós-graduada, que pretende contribuir para formar especialistas na área, capazes de gerir os processos de comunicação, de refletir acerca da cultura científica na sociedade, e de comunicar apropriadamente a ciência não só entre pares (publicações científicas), mas, sobretudo, em contextos com suportes e para públicos diferenciados.

Parte do público-alvo desta formação exerce funções de bolseiro em projetos e em centros de investigação da universidade, pelo que se rentabilizará essa experiência, pedindo que se trabalhe sobre as respetivas áreas no projeto a elaborar na segunda parte do curso. Se assim não for, serão propostos casos concretos para elaboração do projeto.

A pós-graduação está associada ao Centro de Investigação em Artes e Comunicação (CIAC) e pretende criar interação com todos os centros de I&D da UAlg no que concerne à comunicação e à gestão de ciência.

Propinas e taxas 2021/2022

Candidatos nacionais: 500 Euros

Candidatos internacionais*: 500 Euros

Taxa de candidatura: 50 Euros

Taxa de Inscrição e Seguro Escolar: 150 Euros

Nota: A propina deste curso pode ser paga em 10 prestações, sendo a primeira no ato da matrícula e as restantes nos meses de outubro, novembro, dezembro, janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho.

* de acordo com o Decreto-lei n.º36/2014, alterado pelo Decreto-Lei nº 62/2018, de 6 de agosto, são considerados estudantes internacionais os nacionais de um estado que não seja membro da União Europeia e que residam legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior.

 
As candidaturas são efetuadas através de formulário online.
 
Saídas Profissionais

Comunicador e gestor de ciência