Mestrado Integrado em Medicina da Universidade do Algarve tem abertas candidaturas

O Mestrado Integrado em Medicina (MIM) da Universidade do Algarve tem candidaturas abertas para o ano letivo 2023/24, até ao próximo dia 5 de dezembro. Este curso, centrado num método de aprendizagem inovador, Problem Based Learning (PBL), comporta o ensino clínico desde o 1.º ano e destina-se apenas a estudantes já licenciados.
Share
 

Para a edição do ano letivo 2023/2024, o Mestrado Integrado em Medicina da UAlg disponibiliza 80 vagas.

Este curso tem a duração de quatro anos e o seu programa é integralmente baseado em Problem Based Learning (PBL). Embora a maior parte destas características não seja inovadora por si só, dado que outras escolas médicas estrangeiras as aplicam de uma ou de outra forma, a integração de todas elas no mesmo curso de Medicina só se verifica na UAlg.

Outra grande diferença em relação aos diversos cursos de Medicina nacionais relaciona-se com os critérios de seleção: para além de ser necessário deter uma licenciatura, os candidatos são, também, submetidos a uma primeira fase de avaliação das suas capacidades cognitivas e linguísticas e, a uma outra, baseada na avaliação dos valores humanos.

O contacto precoce com a Medicina Geral e Familiar (MGF) é outro dos fatores diferenciadores. Os cuidados de saúde primários são a pedra basilar para a promoção da saúde e para o controlo da doença em sociedades como a portuguesa. Este curso pretende educar os futuros médicos para uma abordagem alargada à pessoa e à comunidade. 

Com uma boa parte do seu corpo docente acreditado em Educação Médica pela Associação Europeia de Educação Médica, a Faculdade de Medicina e Ciências Biomédicas da UAlg tem como um dos seus objetivos o desenvolvimento da região do Algarve como um local atrativo para a prática da Medicina e formação de jovens médicos. 

Mais informação e candidatura online aqui

Relacionadas