Centro de Investigação em Biomedicina

E-Mail: 
Coordenador: 
Karl Petersson
Ano: 
2004
Área Temática: 
Ciências e Tecnologias da Saúde
Área Científica: 
Ciências da Saúde

O Centro de Investigação Biomédica (CBMR) dedica-se à investigação e ao tratamento de doenças e é composto por investigadores de diversas áreas, envolvendo o Departamento de Ciências Biomédicas e Medicina, Ciências Biológicas e Bioengenharia, Química e Farmácia, para além de um número de clínicos e investigadores médicos baseados no Hospital do Algarve.   

A base científica do CBMR é composta por 42 membros integrados, todos investigadores altamente ativos e experientes com um output científico de excelência e longo historial em relação a supervisão de alunos e de post-docs.

Os campos de especialização do CBMR cobrem áreas como a investigação biomédica, biologia molecular, a biologia do cancro, a biofísica, a embriogénese, o microbioma humano, ciências cognitivas e o desenvolvimento do sistema nervoso e cardíaco. A atividade de Investigação e Desenvolvimento, têm servido de base à descoberta e ao desenvolvimento de abordagens terapêuticas de patologias humanas.

A forte comunidade de investigação do CMBR assegura que a instituição se encontra numa posição única para colaborar com um largo ramo de especialidades de investigação biomédica, resultando num ambiente de investigação dinâmico e altamente produtivo.  Nesse sentido o CBMR tem e continuará a desenvolver e fortalecer a região do Algarve na área das Ciências da Saúde através de uma abordagem altamente colaborativa envolvendo cientistas, engenheiros e equipas médicas, reforçando a relação Universidade / Hospital no Algarve. O CMBR é ainda membro fundador do recentemente criado Centro Académico Biomédico do Algarve. 

A atitude ativa do CBMR na região torna-se evidente quando se verifica que o centro promove a realização de cursos avançados na área da Saúde, seminários, workshops, reuniões e cursos, bem como participa em eventos e feiras de disseminação científica e I&D. O publico alvo destas ações são os estudantes do ensino primário e secundário, profissionais de diferentes áreas da Saúde, investigadores e estudantes graduados.