Projeto iHERITAGE Portugal apresenta resultado das sinergias criadas com vários parceiros

Parceiro português iHERITAGE, financiado pela União Europeia, e coordenado por Alexandra Rodrigues Gonçalves, docente da Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo da UAlg, encerra a sua participação com uma conferência de imprensa, no dia 27 de novembro, às 10h00, na Escola Secundária de Tavira.
Share
 

A conferência de imprensa irá decorrer na Escola Secundária de Tavira e assinalará a celebração do 10º aniversário do registo da Dieta Mediterrânea enquanto Património Cultural Imaterial. O evento tem como objetivo apresentar o projeto a estudantes, divulgando o resultado das sinergias criadas entre o iHERITAGE Portugal e parceiros como o Centro de Ciência Viva de Tavira, a Câmara Municipal de Tavira, o CRESC Algarve 2020, entre outros.

A equipa iHERITAGE Portugal irá apresentar o seu projeto, bem como as brochuras digitais criadas no âmbito da Plataforma Mediterrânea iHERITAGE TIC para o património cultural da UNESCO, financiado pela União Europeia através do Programa ENI CBC Med.

Portugal participou durante os últimos anos no projeto iHERITAGE, que visa promover e divulgar o Património Cultural Imaterial Mediterrâneo da UNESCO através da introdução de novas tecnologias e de experiências virtuais com vista à inovação nas narrativas tradicionais, envolvendo parceiros, investigação e a comunidade neste processo. Em Portugal, o projeto foi representado pela Universidade do Algarve e o foco do iHERITAGE Portugal foi o de promover a Dieta Mediterrânea e a sua importância para a identidade cultural do Mediterrâneo.

Isso significou trabalhar no desenvolvimento de plataformas digitais capazes de potenciar a experiência cultural, a história da paisagem e o sentido de identidade e continuidade do conhecimento da Dieta Mediterrânea, mais concretamente na região de Tavira, focando mais especificamente na atividade do azeite, com uma apresentação detalhada do processo de fabrico, bem como a sua interpretação didática e divulgação sobre a proteção e conservação da investigação mediterrânea. A cidade de Tavira foi escolhida justamente por ter sido a cidade responsável pelo registo da Dieta Mediterrânea enquanto Património Cultural Imaterial da Humanidade da UNESCO em 2013.

Considerando o objeto de estudo do parceiro português, e no âmbito do projeto iHERITAGE, a Universidade do Algarve estabeleceu uma parceria com o Centro de Ciência Viva de Tavira com o principal objetivo de dar a conhecer a Dieta Mediterrânea através da lente da realidade aumentada.

Desta forma, promovido pelo Centro Ciência Viva de Tavira, a Universidade do Algarve, enquanto parceira estabeleceu uma parceria com o projeto DiMEd, financiado pelo CRESC ALGARVE 2020, que produziu recursos pedagógicos digitais relacionados com a Dieta Mediterrânea, incluindo materiais de apoio ao professor/formador e diferentes recursos para aplicação em contexto de sala/ sessão e trabalhos autónomos.

Neste sentido, o trabalho da DIMED visa a produção e desenvolvimento de recursos educativos digitais inovadores, baseados nas diferentes dimensões da Dieta Mediterrânea. Através do apoio em ambiente virtual, pretende-se então melhorar e inovar os conteúdos da oferta formativa para o ensino e a formação profissional. Ao fazê-lo, pretende-se contribuir para a promoção do sucesso escolar, bem como para a adaptação às necessidades e transformações setoriais da região.

Mais recentemente, para assinalar a importância destas parcerias, o iHERITAGE Portugal criou uma brochura que compila toda a informação relativa ao intercâmbio cultural e técnico ao mesmo tempo que fornece exemplos de elementos culturais da Dieta Mediterrânea com QR Codes que podem ser lidos através da aplicação criada no âmbito do projeto, iHERITAGE MED DIET. Faça o download da mesma, disponível em IOS e Android.

A Plataforma Mediterrânea TIC iHERITAGE para o Património Cultural da UNESCO é um projeto estratégico, cofinanciado em 90% pelo Programa da Bacia do Mar Mediterrâneo ENI CBC da União Europeia. O orçamento total do projeto é de € 3.874.287,06.

Todos os interessados na temática da Dieta Mediterrânea e no projeto iHERITAGE poderão participar assistir à apresentação.

Agenda:

  • Breve apresentação do projeto iHERITAGE, parceiros envolvidos e resultados (15 minutos)
  • Apresentação da aplicação móvel, iHERITAGE MED DIET, desenvolvida no âmbito do projeto (20/30 minutos)
  • Introdução das brochuras digitais criadas em parceria com o Centro de Ciência Viva de Tavira e o CRESC Algarve 2020 (10 minutos)

Para mais informações contactar a coordenadora do projeto:
Alexandra Gonçalves
+351 912 895 268 
https://www.iheritage.eu/ 
e-mail: iHeritage@ualg.pt

Relacionadas