Apresentação
O CTeSP em Tecnologias Informáticas é uma formação de nível 5. As empresas de diversos setores de atividade necessitam de profissionais que reúnam as competências técnicas necessárias e sejam capazes de lidar com os desafios propostos nas áreas das tecnologias informáticas. De maneira a lidar com os referidos desafios, e também permitir uma rápida integração destes profissionais no mercado de trabalho, o CTeSP em TI pretende formar profissionais com um bom nível de conhecimentos tecnológicos, apostando sobretudo, numa forte componente prática focada na programação com a combinação de diversos standards e tecnologias.


Alguns dos atrativos para frequentar o CTeSP em TI estão relacionados com a facilidade de inserção profissional dos diplomados nas áreas de ensino da especialidade deste curso (código CNAEF 481), bem como a evolução positiva no setor das TIC em Portugal. Recorde-se que este se trata de um setor que tem vindo a crescer continuamente, pese embora os períodos de crise, afirmando-se, atualmente, como um dos setores mais atraentes e onde os profissionais auferem de salários mais elevados.  Para estes dados contribuem o facto de existir cada vez maior incorporação de soluções de TIC em empresas não-tecnológicas, bem como a mais recente tendência de contratação de recursos humanos com educação formal na área das TIC.

Objetivos

  • Formular a lógica necessária na análise e na conceção de algoritmos de base e de estruturas de dados para conceber, executar, validar e otimizar sistemas de informação desktop, bem como  sistemas suportados em tecnologias web e em computação móvel

Programa Brightstart

O curso encontra-se integrado no Programa BrightStart, uma iniciativa conjunta entre a Universidade do Algarve (UAlg) e a Deloitte, que visa contribuir para a educação e formação para a empregabilidade dos jovens, colaborando ativamente na transferência de competências e reforçando a contratação de talento.

Enquadrado numa estratégia de responsabilidade social, este programa, destinado a jovens finalistas do ensino secundário ou profissional (que tenham terminado o secundário nos últimos dois anos), pretende reforçar conhecimentos na área da informática e das competências digitais, através de uma intensa componente prática com uma forte ligação ao mercado de trabalho.

Oferece ainda a possibilidade de realização de estágios em ambiente real de trabalho, estabelecendo uma aproximação ao futuro contexto de dezenas de estudantes.

Propinas 2021/2022

Candidatos nacionais: 609,24 Euros

A Deloitte atribui uma bolsa de estudo durante a frequência do programa e assegura as propinas do curso.

Na secção "5 - Documentos do Candidato (Condicional)" do formulário de candidatura (para submissão de anexos), os candidatos ao CTeSP em TI deverão anexar o seguinte documento devidamente preenchido e assinado de forma manual (digitalizado) ou com assinatura digital: Descarregar documento aqui

As candidaturas aos CTeSP são efetuadas através do Portal de Candidaturas
 
Saídas Profissionais
  • Capacidade para conceber, modelar, implementar e manter sistemas de informação de suporte às organizações, tendo como base as tecnologias informáticas emergentes e as existentes no mercado, de modo a permitir a otimização dos processos de negócio das organizações
  • Nível elevado de especialização em tecnologias digitais e aplicações, nomeadamente SAP, OutSystems, Navision, Java, RPA (Robotic Process Automation), entre outras, permitindo a criação de maior valor acrescentado nas organizações e na economia