UAlg - Plástico

Em 2018 foi lançada pela UAlg uma campanha interna para sensibilizar a comunidade académica para a redução da utilização de materiais de plástico descartável (de uso único) com base nos resultados da investigação desenvolvida nos centros de Investigação da UAlg (CCMAR e CIMA) e na estratégia europeia “EC strategy-plastics-2018”.

Nesse âmbito foi criada a campanha no âmbito da “UAlg+ saudável com – plástico”.

Com alertas por email e com  painéis em todas as cantinas e bares da UAlg, explicando o impacto que este tipo de plásticos tem na vida marinha, nos ecossistemas em geral e na saúde humana, e usos alternativos do plástico depois de reciclado, como por exemplo a sua transformação em filamento. Em simultâneo, os Serviços de Ação Social da UAlg deixaram de comprar material de plástico de uso único (palhinhas, palhetas, copos, pratos e talheres de plástico descartável).

Esta boa prática foi já adotada por alguns bares/restaurantes privados na UAlg, bem como na sua proximidade, e também foi divulgada a algumas escolas secundárias de Faro.

Estas boas práticas tiveram já eco na comunicação social, com reportagens na SIC, TVI, RTP e na TSF.

A UAlg estreitou relações com a Algar e recebeu, em 2019, no início do ano letivo, a visita do veículo de educação ambiental, que esteve presente uma semana no Campus da Penha e deu formação na temática da reciclagem aos 10 funcionários das residências universitárias em Faro.

Nessa iniciativa foram também disponibilizados 200 ecobags para a instituição, para serem usados não só nas residências universitárias, mas também para áreas restritas das faculdades, escolas e centros de investigação, onde se produzam resíduos domésticos (embalagens, vidro e papel).

Também a semana de Receção ao Caloiro da UAlg 2018 contou com uma atividade dedicada à Reciclagem, onde se incentivaram «bons hábitos de separação em qualquer local» e não apenas em casa.

Em 2019 a UAlg foi galardoada com o Prémio da NOVOVERDE - “Reciclar Plástico é uma Arte”, que se encontra em desenvolvimento e consiste na implementação da economia circular na instituição, usando o plástico descartado para triturar e usar pelos estudantes de Artes e de Prototipagem, depois de transformado em filamento. Para além disso, promove-se, através deste programa, a redução de garrafas de água, através da instalação de bebedouros em locais de acesso público.