Apresentação
“Sociologia: conhecimento para sociedades abertas e inclusivas (OpenSoc)” é um programa de doutoramento interuniversitário, que mobiliza o património teórico, metodológico e empírico acumulado na história da sociologia, e as suas amplas conexões interdisciplinares, para forjar novas orientações de pesquisa e intervenção face aos desafios sociais contemporâneos.

Objetivos

  • Formação avançada, teórica, metodológica e prática, no “ofício de sociólogo” e na sua aplicação social. Para além dos seminários do plano de estudos, encorajamos o acolhimento das e dos estudantes em atividades de pesquisa das equipas de investigação. Estão ainda à sua disposição as Escolas de Verão e cursos de especialização oferecidos pelas várias universidades associadas para aprofundar e diversificar conhecimentos, e para adquirir competências transversais de comunicação e valorização do conhecimento.
  • Qualidade de vida académica, proporcionando um ambiente de constante estímulo reflexivo e discussão crítica entre pares e boas condições materiais e intelectuais de trabalho, presencial e online, para os estudos doutorais.
  • Estímulo e oportunidades para a internacionalização, apoiando a publicação internacional individual e colaborativa, a participação em eventos e em redes científicas internacionais, e a mobilidade dentro ou fora do círculo de parceiros do OpenSoc, incluindo para aceder ao título de Doutor Europeu.
  • Reconhecimento de uma formação interuniversitária de excelência, pela atribuição conjunta do grau de Doutor em Sociologia pelas quatro universidades consorciadas no OpenSoc, qualquer que seja aquela em que a/o estudante escolher para concluir a sua tese de doutoramento.

Colaboração Inter-Universitária

O programa OpenSoc resultou da crescente colaboração na investigação sociológica, desde há mais de uma década, entre instituições universitárias: A Universidade de Lisboa, através do Instituto de Ciências Sociais, do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, e da Lisbon School of Economics & Management; a Universidade Nova de Lisboa, através da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas; a Universidade de Évora, através do Instituto de Investigação e Formação Avançada; e a Universidade do Algarve, através da Faculdade de Economia.

Legislação Aplicável

Criado em 2015 (Despacho 12450/2015, DR, 2ªs, n.º 216 de 4 de novembro)

As candidaturas são efetuadas através de formulário online.