Biologia Marinha

Licenciatura
Ensino Universitário
Diurno
Idioma de Lecionação
Português
Unidade Orgânica
Faculdade de Ciências e Tecnologia
Área Temática
Ciências Exatas e Naturais
 
Apresentação
O curso oferece uma formação sólida e multidisciplinar na área da Biologia Marinha, com forte componente de formação prática, abordando o estudo da estrutura e função dos organismos marinhos, os processos de funcionamento e exploração dos ecossistemas marinhos e a produção e gestão dos recursos marinhos. Esta licenciatura fornece formação similar à atualmente ministrada internacionalmente, em universidades europeias e norte-americanas, o que promove a mobilidade dos estudantes em contexto internacional.

Objetivos

A licenciatura em Biologia Marinha pretende formar recursos humanos com competências técnico-científicas em áreas fundamentais da Biologia Marinha, em biotecnologia marinha, exploração racional de recursos e ecossistemas marinhos, aquacultura e pescas.

Competências

Formação teórico-prática que permite conhecer o funcionamento dos organismos e ecossistemas marinhos e identificar os fundamentos da exploração, produção e gestão de recursos vivos marinhos. Estas competências adequam-se à prossecução da formação académica e à atividade profissional em parques naturais, reservas marinhas, aquários, parques oceanográficos e zoológicos, empresas de pesca, aquacultura, biotecnologia e ecoturismo, institutos, laboratórios e centros de investigação e serviços da administração local e central na área do ambiente.

Legislação Aplicável

O curso de licenciatura em Biologia Marinha, resulta do curso de licenciatura em Biologia Marinha e Pescas, que iniciou o seu funcionamento em 1983 (DR, 1ª série, Nº 143, 24 de junho de 1983) e foi adaptado ao Tratado de Bolonha em 2006 (Deliberação n.º 1100/2006, DR, 2.ª série, n.º 151, 7 de agosto de 2006). O plano de estudos, agora em vigor, foi alterado em 2012 (Despacho n.º 8357/2012, DR, 2ª série, nº 119, de 21 de junho de 2012), posteriormente em 2015 (Aviso 10808/2015, de 23 de setembro de 2015) e em 2020 (Aviso 10747/2020, DR, 2ª S, nº 140 de 21 de julho de 2020).

A candidatura ao ensino superior público é feita anualmente através de concurso nacional e concursos especiais.
Documento
 
Saídas Profissionais
  • Técnicos especializados em parques naturais, reservas marinhas, aquários, parques oceanográficos e zoológicos e em empresas de pesca e de aquacultura
  • Assessores/consultores de empresas na área do ambiente marinho
  • Assistentes de investigação integrados em equipas de Investigação e Desenvolvimento de empresas, institutos, centros de investigação e laboratórios de estado
  • Empresários em áreas de inovação tecnológica, produtos naturais e ecoturismo
  • Técnicos superiores em serviços da administração local e central na área do ambiente
  • Formadores na área da Biologia Marinha, integrados em equipas de educação ambiental

"A Universidade do Algarve mudou a minha Vida. Não foi apenas a localização quase idílica, a envolvência ambiental, as instalações modernas, a robustez científica e jovialidade da equipa docente, o plano curricular de excelência, a audácia de ser e fazer diferente - foi a filosofia de uma universidade que embora jovem, desde logo se soube afirmar ímpar, inovadora e integradora. Muito obrigado, UAlg!"

Élio Vicente

Biologia Marinha